Como o planejamento financeiro ajuda a evitar dívidas?

Data da postagem: 07/03/2018


Aumentar o patrimônio, realizar um sonho ou pensar no futuro de toda a família. Por esses e outros objetivos, fazer um consórcio pode ser uma ótima alternativa. Mas como se organizar financeiramente e evitar o acúmulo de dívidas antes de investir? Confia medidas importantes, ressaltadas também, pelo Sebrae:

Traçar Objetivos
Manter objetivos bem definidos contribui para não gastar com coisas sem importância.

Fugir das dívidas
É preciso gastar menos do que se ganha. É elaborar um orçamento e se esforçar para cumpri-lo.

Caminhar na mesma direção
É importante conversar com a família sobre os objetivos com relação ao dinheiro. Para isso, é necessário um orçamento familiar doméstico.

Financiamentos e parcelas
Cuidado com o excesso de compras parceladas. Mesmo que a oferta de crédito seja grande, é preciso avaliar se realmente é vantajoso, se você não está pagando dois produtos e levando apenas um. Verifique ainda, o seu nível de comprometimento para não sobrecarregar as finanças.

Usar cartão de crédito ou cheque especial
Evite ter muitos cartões de crédito, tenha apenas um com o limite dentro das suas possibilidades. Lembre-se que o cartão de crédito não pode ser uma extensão do seu salário.

Para ajudar no planejamento e a realizar o seu objetivo, faça uma simulação de consórcio e confira todas as possibilidades. Sem juros, o consórcio apresenta planos maiores e parcelas acessíveis, que não sobrecarregam o orçamento.
Fonte: Sebrae